15/07/2008

E QUANDO MORREM OS SONHOS? - Thais Arrighi - São Paulo - Brasil


E QUANDO MORREM OS SONHOS?


Quando morrem os sonhos
A gente adormece
Se aborrece com a vida
E não liga mais para a lida!
Dói o coração
E não sabemos nem mais
Escutar a razão!
Sem compreender essa
Roda viva...
Vem as lágrimas
Procurando respostas
Mas a cabeça não pensa
A garganta quer gritar
E...Pensando bem
O melhor é se acalmar...
Procurar no amanhã acreditar!
Quem sabe um dia destes
Apagam-se as mágoas...E
Mesmo quando a
Verdade torna-se uma mentira...
Aceita-se o engano...
De um amor que era real
E que
Não passou de um sonho
Do qual ao acordar...
Apenas passou...
Morreu...Apenas Aconteceu!


Thais Arrighi
Tamboré-13-07-2008


Um comentário:

Renato Baptista disse...

Deixando aqui o meu beijo nessa madrinha desnaturada e sem conserto...rsrs
Sempre é tempo de ler a prender mais um pouco com suas obras...Tudo muito lindo, como sempre.

Mais Beijos

Renato Baptista